Ideal Contabilidade | Continuidade da proposta de reforma tributária
5714
post-template-default,single,single-post,postid-5714,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,qode-theme-ver-1.0,qode-theme-ideal,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive
 

Continuidade da proposta de reforma tributária

Continuidade da proposta de reforma tributária

A equipe técnica econômica decidiu dar continuidade à proposta de reforma do sistema tributário, idealizada pelo governo antes da crise política atualmente enfrentada.

O presidente Michel Temer, tem como meta a obtenção, até o próximo ano, da aprovação da reforma, que anteriormente seria executada em três etapas, com intuito de alterar as regras do PIS, Cofins e do ICMS, de forma à unificar os tributos das três esferas governamentais.

Uma medida provisória com mudanças nas regras do PIS e da Cofins deve ser expedida ainda neste mês ao Congresso. As alterações no PIS, que representa 4% da arrecadação do governo federal, serão implantadas primeiro. Viriam depois mudanças na Cofins, que responde por 16%.

O governo quer reduzir o número de alíquotas do PIS de cerca de 30 para duas e simplificar o sistema para compensação de créditos nas compras de matérias-primas e insumos pelas empresas.

Fonte: Sitecontabil